A GIG inicia em 2008 um novo projeto que é a gravadora. Seguindo as transformações do mercado musical, a GIG surge como uma gravadora independente que tem como objetivo fomentar o mercado regional de novos artistas, oportunizando o lançamento dos novos talentos no mercado fonográfico nacional, com distribuição do seu trabalho.